Prefeitos definem projetos para a região Sudeste

Prefeitos definem projetos para a região Sudeste

Primavera do Leste poderá ganhar um campus da UFR (Universidade de Rondonópolis). O assunto foi discutido nesta terça-feira (16.02) durante reunião de prefeitos da região Sudeste do Estado, a reitora Analy Polizel e o senador Wellington Fagundes (PL-MT).

Recém emancipada da UFMT (Universidade Federal de Mato Grosso), a UFR começa a se estruturar com a recente aprovação de seu estatuto e preenchimento de cargos. “A experiência da emancipação deve contribuir para o projeto de criação de um campus em Primavera do Leste”, prevê a reitora.

Ao defender a criação do campus, o senador lembrou a importância econômica de Primavera do Leste, que hoje está com cerca de 70 mil habitantes e desponta como pólo de produção agrícola. “É uma das cidades que mais crescem no Estado e a implantação de uma nova instituição de ensino superior pode impulsionar ainda mais esse crescimento”, diz o senador.

Demandas

Além da criação do campus da UFR e Primavera do Leste, a reunião com os prefeitos recém-eleitos serviu para ouvir as demandas que devem ser encaminhadas pelo senador ao governo federal. “É oportuna. Estamos em fase de discussão do orçamento”, lembra o parlamentar.

Municipalista convicto, ele acredita que os repasses de recursos da compensação pelas perdas decorrentes da Lei Kandir devem contribuir para aliviar as contas dos municípios, mas é preciso lembrar que a pandemia criou novas demandas para os gestores municipais. Na semana passada, foram repassados R$ 12 milhões aos municípios e, até o final do ano, outros R$ 149 milhões devem chegar aos cofres. Os repasses visam restituir as perdas ocasionadas pela desoneração do ICMS de produtos primários e semielaborados destinados à exportação, estabelecida pela Lei Kandir.

Parcerias

Ele reforçou a importância de ouvir os novos prefeitos e de estabelecer parcerias já que muitos municípios não podem prescindir da ajuda do governo federal para novos investimentos em saúde, educação etc. “Todo parlamentar deve estar sempre em contato com os gestores e discutir os caminhos para melhorar a vida da população”, prega.

O prefeito de São Pedro da Cipa, Eduardo Português (PSB) confirma: “meu município é pequeno e depende muito dos recursos federais”. Nelson Orlato (PSB), prefeito de Pedra Preta, também diz que todo gestor precisa do apoio de um parlamentar para encaminhar suas demandas e viabilizar convênios e recursos.

Também estiveram presentes os prefeitos de Tesouro, João Isaac Moreira Castelo Branco, de Itiquira, Fabiano Dalla Valle, de São José do Povo, Ivanildo Vilela da Silva, de Araguainha, Francisco Gonçalves Naves, além de vereadores e outras lideranças regionais.

Deixe seu comentário

Seu email não será publicado

× Como posso te ajudar?